fbpx

Compartilhar

Pestalozzi | Rio Novo do Sul

 

Projeto 2018

Através dos atendimentos nas áreas de Neurologia, Fisioterapia e Fonoaudiologia, Psicologia e terapia ocupacional, a instituição pretende garantir que o público alvo institucional, bem como toda a comunidade da região de sua abrangência, tenha acesso a diagnóstico e tratamento de diversas modalidades, em especial atenção as pessoas com deficiência intelectual e/ou múltipla, interagindo e articulando o atendimento com as outras políticas inerentes a instituição, como Educação e Assistência Social.

O público alvo está dentro do município de Rio Novo do Sul e conta com uma cobertura mínima destes serviços pelo SUS, uma vez que tais profissionais são de grande custo para a rede municipal. Na Pestalozzi de Rio Novo do Sul, o trabalho na área da saúde já é realizado de alguma forma em especial na área de fisioterapia, porém buscamos aprimorar a diversidade e a quantidade de atendimentos disponibilizados.

 

Objetivos

Atendimento médico assistencial nas áreas de Neurologia, Fisioterapia e Fonoaudiologia, Terapia Ocupacional e psicologia para pacientes encaminhados pelo SUS, através de regulação do gestor local. Oferecer atendimento clínico integral à pessoa com deficiência intelectual e/ou múltipla abrangendo todo o ciclo de vida desde o nascimento através de equipe interdisciplinar.

 

Fisioterapia e Consultas

Os equipamentos de Fisioterapia serão implantados na adequação e qualificação de espaço necessário para diversos tipos de fisioterapia motora e respiratória. O diagnóstico precoce de deficiências proposto através de consultas com especialista, bem como o acompanhamento sistemático do paciente, possibilita o direcionamento de terapias adequadas e a estimulação precoce que leva a uma redução significativa das sequelas de diversas enfermidades.

 

 

Estimulação Precoce e Fonoaudiologia

A Estimulação precoce aqui proposta, será acompanhada por equipe multiprofissional que buscará dentro de todas as possibilidades impor atendimentos contínuos e intensos no sentido de reduzir as dificuldades motoras e cognitivas, possibilitando que o indivíduo possa apresentar condições de superar as barreiras sociais, físicas e atitudinais.

A fonoaudiologia tem como objetivo prático no presente projeto o estudo da fonação e da audição, de seus distúrbios e das suas formas de tratamento. Utilizará de recursos tecnológicos dentre eles o eletrônico com a aplicação do tablet e software específico cuja aquisição será por conta da instituição proponente.

 

Psicologia

O atendimento psicológico é uma modalidade acessória fundamental no atendimento a pessoa com deficiência principalmente intelectual, uma vez que não só o próprio paciente necessita de acompanhamento psicológico como também o familiar responsável que possui grande sobrecarga sobre si. O atendimento deve ser feito em um ambiente propicio e acolhedor para que as seções de terapia transcorram dentro dos princípios e diretrizes da psicologia moderna e suas regulamentações. O mobiliário, equipamentos de informática e os climatizadores têm a função de gerar ambientes propícios e confortáveis para as respectivas terapias.

 

A Instituição

Os serviços ligados a reabilitação e tratamento de distúrbios comportamentais e deficiência intelectual ou múltipla são precários no SUS em todo o Estado do Espírito Santo devido à falta de estrutura e profissionais especializados para o atendimento.Por conta dessa carência, a Pestalozzi vem realizando e tentando aprimorar esse trabalho, sempre comprometido com a qualidade. Porém, dentro de suas limitações orçamentárias, uma vez que não recebe contraprestação financeira do SUS através de sua produtividade, necessita de apoio.

Para garantir tal atividade, contaremos com uma equipe multidisciplinar completa, com profissionais de serviço social, psicologia, psicopedagogia, fisioterapia e fonoaudiologia e neurologia que atenderão diariamente ao usuário inserido na instituição e demandas da comunidade local, pois na região de abrangência, não há locais disponíveis que atendam a este público específico.

A rede Pestalozziana no Estado do Espírito Santo realiza aproximadamente 100 mil atendimentos anuais nas 34 unidades espalhadas pelo Estado anuais levando-se em consideração os procedimentos realizados para o atendimento integral a família. Este número, caso não se obtenha parceiras que viabilizem seu financiamento podem não se repetir sendo que a demanda reprimida chega a aproximadamente 60% destes atendimentos, principalmente na área de fonoaudiologia.

 

[]
1 Step 1
Quero apoiar esse Projeto!
keyboard_arrow_leftPrevious
Nextkeyboard_arrow_right

Compartilhar