fbpx

Compartilhar

Instituto Lucas Silveira Barreto

O Instituto Lucas Silveira Barreto é uma Organização da Sociedade Civil de Interesse Público (OSCIP), sem fins lucrativos, que prima pela estruturação e reestruturação da família, a prevenção, tratamento e recuperação do dependente de substâncias psicoativas, com objetivo de resgatar a cidadania e promover a reinserção social, educacional e familiar do dependente.

O Instituto realiza acolhimento institucional a adolescentes masculinos, de 12 a 18 anos incompletos, com transtornos decorrentes do uso, abuso ou dependência de substâncias psicoativas, que necessitem de auxílio profissional especializado para se reestruturar e assumir o controle de suas vidas, e recuperar sua cidadania.

A missão do Instituto é “acolher com afeto, resgatar com compromisso e tratar com responsabilidade”. Com novos métodos e tecnologias, o Instituto revolucionou a forma de tratar a dependência química, com a Metodologia embasada na Neurociênica, na Terapia Cognitivo-Comportamental e Multifocal, e nas técnicas da Psicopedagogia.

O Instituto Lucas Silveira Barreto conta com uma equipe multidisciplinar formada por psiquiatra, neurologista, psicólogos, psicopedagogo, terapeuta ocupacional, professores e educadores, visado a qualidade e o profissionalismo do atendimento.

O Instituto Lucas Silveira Barreto, com área total de 12 mil m², oferece a seguinte estrutura: quartos coletivos e arejados com armários embutidos; banheiros adequados; refeitório; sala de aula e atividades de oficina de estudos; piscina para educação física e lazer educativo; campo de futebol; extensa área verde para a prática de horticultura;

APOIO PEDAGÓGICO

O Instituto Silveira Barreto desenvolve semanalmente o projeto de educação informal através de oficinas de estudo de português, matemática, história, geografia e ciências, com o objetivo de possibilitar aos residentes a ampliação do universo informacional, artístico e cultural, estimulando o desenvolvimento de suas potencialidades, talentos, habilidades e formação cidadã. Essas oficinas de estudo semanais contribuem para facilitar a inserção, reinserção e permanência do residente no sistema educacional e no convívio com a família longe das drogas. Essas atividades estimula o desenvolvimento cognitivo e oportuniza o acesso do residente, pós-internação, ao universo do conhecimento, com vistas à continuidade de seu desenvolvimento intelectual, moral, psicológico e social.

lucas-silveira-barreto-ls-nogueira-2

 

ESPORTE

Semanalmente os residentes fazem exercícios físicos, caminhadas, natação e jogos de campo. O exercício físico, aeróbico e anaeróbico, bem direcionado e embasado em parâmetros científicos, atua como importante elo terapêutico ao intervir no corpo durante todo o processo de recuperação, liberando substâncias (como a endorfina), responsáveis pela sensação de prazer, melhorando o humor e reduzindo o estresse. Melhora também o relacionamento social, resgata a autoestima, elimina toxinas e melhora as condições musculoesqueléticas e cardio circulatórias.

 

lucas-silveira-barreto-ls-nogueira-4

 

ARTE TERAPIA

Semanalmente, os residentes participam de oficinas de arte terapia que constitui um instrumento facilitador no processo terapêutico. Essas oficinas ocorrem em grupo ou individual conjugadas a um trabalho verbal, tendo como finalidade criar um espaço para a expressão criativa, a comunicação, o contato com potenciais da personalidade em seus aspectos, cognitivo, emocional e sensório através dos órgãos do sentido (visão, audição, tato, olfato, paladar), favorecendo a integração de conteúdos emocionais despotencializando a atuação autônoma/negativa desses conteúdos na personalidade trazendo maior harmonia, saúde física e emocional para a realização de metas construtivas.

 

PODOLOGIA

Mensalmente, o Instituto Silveira Barreto recebe alunos do curso de Podologia da “Clínica dos Pés” e os residentes recebem tratamento e orientação de como cuidar dos pés e porque devemos ter essa preocupação.

 

lucas-silveira-barreto-ls-nogueira-6

TERAPIA OCUPACIONAL

O tratamento nas Comunidades Terapêuticas é baseado na convivência entre os pares, onde cada paciente é responsável por sua recuperação e pela recuperação do grupo, formando um movimento de auto-ajuda-mútua. A terapia ocupacional por meio das atividades tem como objetivo, ampliar e gerar a consciência nos participantes acerca de suas vidas, reabilitar e estimular a realização de tarefas cotidianas e estimular o mesmo na reinserção na sociedade através de estruturação da rotina e reconstrução da cidadania, considerando de fundamental importância a capacitação e/ou retorno profissional.

 

lucas-silveira-barreto-ls-nogueira-7

 

RESGATE A CIDADANIA

O Projeto “Resgate de Cidadania” é realizado aos residentes internados no Instituto Lucas Silveira Barreto. Ao passar pela Triagem, quando o residente não possui documentos como: RG, CPF, Cartão do Sistema Único de Saúde (SUS) e Carteira de Trabalho, o Instituto leva os residentes aos órgãos públicos competentes para que os mesmos sejam providenciados.

O objetivo deste projeto é resgatar a cidadania do residente e possibilitar que ele retome e se envolva na participação da vida pública, da sociedade e do mundo do trabalho. Este projeto promove nos residentes o sentimento de cuidado e conservação dos documentos, e também desenvolve a conscientização da necessidade desses documentos para exercer a cidadania.

 

lucas-silveira-barreto-ls-nogueira-8

 

REUNIÃO FAMILIAR

Uma vez por mês, a partir das nove horas da manhã, a família vem ao Instituto Silveira Barreto para passar o dia com o residente, onde desenvolve atividades para resgatar o afeto, o companheirismo, a solidariedade, fortalecer os laços de família. As reuniões familiares têm como objetivo refazer os laços familiares, desgastados durante o processo de drogadicção.

lucas-silveira-barreto-ls-nogueira-10

 

HORTICULTURA SUSTENTÁVEL

O Instituto Silveira Barreto o projeto “Horticultura Sustentável”, que tem como objetivo: trabalhar e desenvolver a socialização com o trabalho em parceria; a cooperação em projetos coletivos; estimular os sentidos da concentração e criatividade; reconstruir a noção de “cuidado” entre si e o outro.

 

lucas-silveira-barreto-ls-nogueira-11

Compartilhar