Eduardo Iglesias: Referências e Memórias

reprodução: exposição realizada com alunos do projeto

Edição e publicação de livro de Arte sobre Eduardo Iglesias, com enfoque retrospectivo em suas obras e trajetória artística, bem como exposição com obras do artista. E, com isso, realizar a difusão ao grande público das obras e pensamento de grandes artistas com prolífica produção, resgatando o panorama cultural do país e contribuindo com o acesso da sociedade aos bens artísticos nacionais.

Todo valor arrecadado com a venda dos exemplares será revertido para a continuidade dos projetos do INSTITUTO OLGA KOS DE INCLUSÃO CULTURAL.

Evento de Lançamento do Livro 

No dia 26 de novembro de 2020, foi realizado na sede da FAAP – Fundação Armando Alvares Penteado – restrito a um grupo de 30 pessoas –  o evento de lançamento do livro Eduardo Iglesias – Referências e Memórias. 

No lançamento ocorreu uma exposição com os trabalhos do artista Eduardo Iglesias e das obras criadas por participantes dos programas sociais do Instituto Olga Kos. As artes de Eduardo Iglesias também fizeram parte da exposição.

Eduardo Iglesias e o Autor do livro Jacob Klintowitz, não puderam estar presencialmente no local, pois fazem parte do grupo de risco, mas participaram remotamente da abertura.

Nos demais dias da exposição, a visitação foi realizada com horários agendados de grupos com até 15 pessoas, evitando possíveis aglomerações, obedecendo as ordens governamentais e seguindo todos os protocolos.

Oficinas de Arte 

O objetivo das oficinas é promover atividades artísticas e culturais para jovens e adultos com Deficiência Intelectual e em situações de vulnerabilidade social, acreditando que a experimentação da arte desenvolve as competências para “Ser. Conviver, Conhecer e Fazer”.

Nesse contexto o Instituto Olga Kos de Inclusão Cultural legitima a pessoa com Deficiência Intelectual, como cidadão capaz de executar uma expressão ou atividade artística e oferecer à sociedade seu produto final: obras de qualidade inspirada e auxiliada por artistas nacionais contemporâneos.

Processos dinâmicos de mão dupla, as oficinas de arte que integram o projeto proporcionam aprendizados significativos.

Sobre o artista

Eduardo Iglesias, pintor, desenhista e gravador, nasceu em Marília-SP, no ano de 1940, e iniciou seus estudos artísticos na sua cidade natal, em 1954. Três anos depois, muda-se para São Paulo, onde estuda durante um ano na Associação Paulista de Belas Artes.

Em 1976, passa a frequentar o Ymagos – Ateliê de Gravuras, onde conhece Eloisio Motta, Renina Katz, Bernardo Cid, Maria Bonomi, Darel, Guilherme de Faria e Hermelindo Nardin. Em 1987, é convidado pela Wake Forest University, em Winston Salem, Estados Unidos, para participar de um curso de litogravura e, em 1997, participa do 1º Eletromídia de Arte.

Agradecimento 

”O Instituto Olga Kos (IOK) de Inclusão Cultural, expressa seu profundo agradecimento ao Banco Toyota, pelo aporte financeiro destinado ao projeto, na certeza de que estamos no caminho certo, da inclusão social e do respeito à diversidade humana.”

Compartilhar

Iniciar Conversa
Olá! Posso ajudar?