Cia Ballet de Cegos

Lei de incentivo: PRONAC – Federal

Associação Fernanda Bianchini

Lei de incentivo: PRO-MAC – São Paulo

0
ALUNOS SENDO ATENDIDOS
0
ANOS DE ATIVIDADE
0
% DOS ALUNOS POSSUEM DEF. VISUAL

Projeto iniciado em 1995 com cerca de 10 alunas tornou-se uma metodologia pioneira para o ensino da dança e referência mundial por seu valor artístico e inclusivo.

Associação Fernanda Bianchini Cia Ballet de Cegos (AFB) hoje atende a cerca de 200 alunos de várias idades, a maioria deficiente visual. Sua metodologia de ensino do Ballet Clássico é pioneira e reconhecida mundialmente. A integração social de deficientes visuais por meio da dança, principalmente do balé como uma atividade extracurricular, é a principal missão da entidade.

O projeto tem como objetivo sanar os custos anuais da instituição com aluguel, funcionários, professores, e demais gastos com material de limpeza, material de escritório para poder oferecer a pessoas cegas e normais um espaço de aprendizado e um canal inédito no mundo para pesquisa de dança e expressão corporal para cegos, fazendo releitura de clássicos e adaptando-os para apresentação de 1 espetáculo.

Nascida em 5 de outubro de 1978, suas formações familiares e religiosas fazem com que ela e seus dois irmãos possam construir hoje suas vidas com base na cuidadosa e admirável criação que receberam.

Como bailarina formou-se pela Escola Municipal de São Caetano do Sul e pela Fundação das Artes da mesma cidade. Em São Paulo formou-se como fisioterapeuta pela Universidade Bandeirante. Como reconhecimento de seu exímio trabalho profissional e social recebeu algumas homenagens, dentre elas as importantes: Dama comendadora do Estado de São Paulo, comenda dada em 2003 pelo órgão da Cultura Brasileira de São Paulo; título de cidadã emérita de São Caetano do Sul pelo vereador Tite Campanella.

As seguintes empresas acreditam e apoiam esse projeto:
Colaborando com esse projeto, sua empresa contribui com os seguintes objetivos de desenvolvimento sustentáveis propostos pela ONU: